fechar
- Advertisement -

Fashion News

♥ Moda & Estilo

NOVA COLEÇÃO SUMMER – JORGE BISCHOFF

IMG_4030-1024×683

IMG_0370

Meu primeiro editorial grávida! Semana passada fui conferir as novidades da Jorge Bischoff em Porto Velho. Os sapatos estão apaixonantes! Várias estampas, pedrarias, e cores lindas! Do azul marinho ao rosa quartzo. Além do conforto para os pés, os detalhes nas peças dão um toque especial a marca, que é impecável!!!

Grávida só quer saber de conforto não é mesmo? Então as minhas escolhas são as mais confortáveis, mesmo os saltos são ótimos, além de serem elegantes!!

aIMG_3646 aIMG_3672 aIMG_3729 aIMG_3801 aIMG_3886 aIMG_3940 aIMG_3965 aIMG_4029 aIMG_4043

IMG_4096

1IMG_4087

IMG_4030

As fotos ficaram lindas! A loja é linda, as peças então, nem se fala. Foi uma tarde ótima, de muitas risadas, ao lado do Fotografo Wanderson Moura. Quem fez a minha make e Cabelo foi Kairos Cabeleireiros e as unhas no Requinte das Unhas.

logo-jorge-bischoff

A loja Jorge Bischoff aqui de Porto Velho fica na Avenida Carlos Gomes, nº 2504, entre Rafael Vaz e Silva e Guanabara, Bairro São Cristóvão (69 3302-0048).

A loja possui Instagram (@jorgebischoff_portovelho) e Fan Page no FaceBook (Jorge Bischoff Porto Velho).

Beijo Beijo 

Leia mais...

ACCESSORIES

Desculpe, Não há posts suficientes para este bloco, adicione mais posts ...

LIFE & LOVE

Desculpe, Não há posts suficientes para este bloco, adicione mais posts ...

- Advertisement -

Most Popular

Desculpe, os posts que você solicitou não foram encontrados ...

THE LATEST

♥ Mãe e Bebê

Vacinas para Meningite

MidiaKitCorujices

Bom, por aqui fizemos mais uma vacina na vacina, a vacina para Meningite. Tínhamos outras vacinas para fazer e fui orientada na clínica a vacinar para a Meningite, isolada das demais, por conta dos possíveis efeitos colaterais. Luísa não teve nenhum efeito colateral, só percebi um sono mais longo na soneca que ela tira no final da tarde. Esperei pela febre na madrugada e nada! Graças a Deus! Nem no dia seguinte!!

Conversando com o Dr. Silas, um amigo que é pediatra (que por sinal é nosso colaborador no Blog) questionei sobre as vacinas para Meningite e aproveitei para pedir sua opinião.

Ele fez um artigo suuper esclarecedor sobre o assunto:

“Meninges são três membranas que envolvem o sistema nervoso central: cérebro, cerebelo, bulbo e medula espinal. À inflamação das meninges, geralmente causada por patógenos, dá-se o nome de meningite.

As meningites geralmente são virais ou bacterianas, sendo as segundas mais graves porque determinam maior mortalidade e maior número de sequelas. Várias são as bactérias causadoras de meningite mas a mais importante delas é o meningococo (Neiseria meningitidis), tanto pela frequência com que ocorre no mundo inteiro como pela gravidade dos quadros.

As crianças sempre representaram uma faixa etária importante para as meningites. A primeira vacina que surgiu para proteger as crianças contra a meningite foi o BCG, vacina aplicada nos primeiros dias de vida para proteger contra a Tuberculose. Crianças e adolescentes quando têm  tuberculose podem, secundariamente a doença pulmonar, desenvolver graves meningites tuberculósicas. O BCG até hoje é aplicado justamente para proteger contra estas formas secundárias detuberculose. Na década de 1980 surgiu a vacina contra o HiB (Haemophyllus Influenzae B), na época uma importante bactéria causadora de meningite em crianças até 5 anos de idade. Outra bactéria que causa meningite em crianças é o pneumococo (Estreptococcus pneumoniae) que hoje também é objeto de prevenção com boas vacinas.

Com relação aos meningococos, devemos considerar a existência de 5 sorogrupos desta bactéria (A, B, C, W e Y) e que a imunidade adquirida para um sorogrupo não aproveita para os demais, de modo que para se ter imunidade plena seria necessário dispor de 5 vacinas: uma para cada sorogrupo. Hoje dispomos de vacinas para todos eles, sendo que a vacina para o sorogrupo B só foi disponibilizada no mercado mundial no ano passado.

Em 2010 o Ministério da Saúde do Brasil incluiu no Programa Nacional de Imunizações a vacina contra o sorogrupo C, de modo que a vacina vem sendo usada há 7 anos nos lactentes. Naquela época a vacina disponível era somente esta e, coincidentemente, era o sorogrupo mais prevalente no Brasil como um todo. Na Região Norte naquela época o sorogrupo B já era muito importante. Outro fato importante é que esta prevalência muda ao longo dos anos. Já tivemos grandes epidemias pelo sorogrupo A e pelo sorogrupo B em anos passados em várias regiões do pais. Hoje na região Sul (Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul) o sorogrupo W adquiriu uma importância crucial.

Em 2013 foram lançadas mundialmente vacinas combinadas para quatro destes sorotipos: A, C, W e Y e desde o ano passado, como dissemos temos, uma vacina para o sorogrupo B.

Idealmente as crianças devem tomar estas duas vacinas a partir de 2 ou 3 meses de idade, já que o risco de adoecimento pelo meningococo começa precocemente. Muitos adultos são portadores do meningococo em suas gargantas sem qualquer sinal de doença: são os portadores sadios, que já possuem boa resistência contra a bactéria que neles vive como comensal.  Estes adultos funcionam como reservatórios potenciais para infectar os bebês por transmissão oral. Por isso é que, endemicamente, mais de 95% das pessoas que têm doença meningocócica são menores de 2 anos.”

Assim, quem puder e tiver condições de comprar as doses da vacina é importante e recomendado como prevenção/proteção a mais, porém quem não tiver esse valor disponível  não deve se desesperar! Todas as vacinas estão disponíveis na Clínica Porto Velho.

 
CLÍNICA PORTO VELHO
Av. Carlos Gomes, Nº 770 – Caiari
Fone: 3229-3003/3224-2941/98411-1248
Leia mais...
♥ Mãe e Bebê

Site para checar o remédio para quem esta amamentando

remedio-natural-para-aumentar-producao-de-leite-materno-1-640-427

Oiii!!

Tive uma forte  alergia neste final de semana, fui parar no hospital, falei que amamento e infelizmente tive que tomar alguns remédios.

Sabemos que os médicos dão remédios com o mínimo de risco, mas sempre ficamos com pulga atrás da orelha na hora de começar com a medicação.

Achei um site que você coloca o nome do remédio e pode checar se o remédio é de risco muito baixo, risco baixo, alto risco e muito alto risco.

Achei bem útil e assim podemos tomar os remédios mais calmamente, pois em todas as bulas vem escrito, tomar depois de consultar o pediatra.

Infelizmente só tem em ingles ou espanhol.

http://www.e-lactancia.org/

Leia mais...
♥ Mãe e Bebê

VACINAS: o papel da Saúde Pública e das clínicas privadas

WhatsApp Image 2017-09-15 at 16.36.45

Olá mamães e papais, o post de hoje é sobre Vacina! Luísa está tomando algumas vacinas na Clínica Porto Velho, com quem mais entende do assunto em Rondônia, Dr. Silas Rosa. Eu, como mãe de primeira viagem, sempre fiquei com dúvidas a respeito do assunto. Então, ele fez esse artigo super esclarecedor para as leitoras daqui do blog. Dr Silas é pediatra e ele mesmo faz questão de aplicar as vacinas, e isso me passou muita segurança, antes de cada vacina ele explica (dá uma aula) tudo sobre reações, o que cada vacina representa, tira todas as dúvidas!! Tudo o que nós precisamos né? Ter a certeza de que nossos pequenos estão protegidos.

Ele contou em um breve artigo sobre esse assunto, que gera muitas dúvidas nos pais hoje em dia. Um artigo super objetivo e esclarecedor.

“As vacinas representam atualmente o melhor recurso de prevenção de doenças. Sem negligenciar o papel de outros avanços como saneamento básico e educação em saúde não se pode deixar de reconhecer o papel das vacinas na erradicação mundial da varíola, e na interrupção da circulação dos vírus do sarampo e da poliomielite no Brasil. Hoje os pequenos surtos de sarampo no Brasil são sempre importados.

Atualmente temos mais de trinta vacinas disponíveis mundialmente, todas muito bem avaliadas por instituições púbicas como o CDC (Center for Disease Control and Prevention) dos Estados Unidos e a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) do Brasil.

Evidentemente nenhum programa de Saúde Pública governamental consegue acompanhar com absoluta presteza o desenvolvimento nesta área. Em países em desenvolvimento ainda pesa o custo da introdução dessas vacinas nos programas nacionais. Temos, no entanto, que enaltecer o esforço do governo brasileiro que disponibiliza à sua população um dos melhores programas de imunização do mundo, embora também aqui temos uma certa defasagem de alguns anos entre a disponibilização de uma nova vacina e a sua introdução no calendário oficial do Programa Nacional de Imunização (PNI).

Além disso é preciso ressaltar que o objetivo perseguido pela Saúde Pública, que é o interesse coletivo, nem sempre coincide com o interesse individual de cada pessoa. Vamos exemplificar: a vacina da varicela (catapora) é dada na rede pública em uma única dose. Com isto menos de 80% das crianças estão protegidas de terem varicela e algumas, posteriormente, quando em contato com o vírus selvagem, acabam tendo uma forma leve de varicela. A Sociedade Brasileira de Imunizações preconiza hoje uma segunda dose da vacina, medida que leva a uma proteção próxima de 100%, para qualquer forma de varicela. Ao governo interessa que a única dose disponibilizada na rede pública protege quase 100% de terem formas graves que demandariam internações e risco de vida. Para o governo a introdução da segunda dose redundaria num custo que não compensa. Já nas clínicas privadas, após a apresentação desses dados, a maioria dos pais opta pela segunda dose. Razões semelhantes existem para que as clínicas privadas de imunização utilizam a vacina do Rotavírus pentavalente (apesar de exigir uma dose a mais que a vacina monovalente usada na rede pública), de duas doses da vacina contra Hepatite A (quando a rede pública usa apenas uma), da vacina antipneumocócica 13-valente (em lugar da vacina 10-valente da rede pública) e do uso de três doses da vacina contra o HPV mesmo em pessoas com menos de 14 anos (em vez das duas doses hoje usadas no PNI).

Além disso a presteza com que as clínicas privadas atuam faz com que disponham de vacinas ainda não utilizadas no PNI como a vacina contra o Herpes zoster para os idosos e a vacina tetravalente contra a Gripe (enquanto o governo ainda usa a vacina trivalente) e as novas vacinas anti-meningocócicas para todos os sorogrupos de meningococos que têm importância no Brasil: A, C, W, Y e B (enquanto o governo só disponibiliza a vacina contra o sorogrupo C).

Finalmente, nas clínicas privadas tem-se sempre um profissional médico com profunda experiência na área de Imunizações que, graças a sua atualização pode analisar e extrapolar as indicações formais em função do interesse de cada pessoa. Dessa forma já usávamos a vacina contra o HPV no sexo masculino, anos antes que o governo, só agora em 2017, passe a aplica-la nos pré adolescentes. Desde 2013 dispomos de uma excelente vacina combinada contra os meningococos A, C, W e Y do Laboratório Novartis. Desde junho de 2014 o CDC liberou o uso desta vacina para crianças a partir de 2 meses de idade, enquanto a ANVISA, no Brasil conservadoramente a indicava a partir de dois anos de idade. Isto representava uma divergência extremamente importante, já que mais de 95% das pessoas que adquirem doença meningocócica fora dos períodos epidêmicos são crianças com menos de 2 anos. Nas clínicas privadas a presença deste profissional médico atualizado pode colocar estes fatos para a família e propiciar a aplicação off labil (contra as indicações da bula) para o grupo etário a quem mais interessa a vacina. Só agora, em 2016, a ANVISA atualizou a indicação desta vacina para crianças desde dois meses de vida.”

 

Silas Antônio Rosa
CRM 677-RO
Médico formado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, campus de São Paulo (Pinheiros), com título de Especialista em Pediatria e Medicina do Trabalho, Pós-graduação em Saúde Pública, Mestrado em Biologia Experimental e Professor de Pediatria da Faculdade de Medicina da FIMCA. Advogado (OAB 860-RO)

Quer saber mais? No próximo post sobre o assunto, vou postar sobre perguntas e respostas, as dúvidas mais comuns sobre vacinação. Se você quiser participar, deixa nos comentários sua duvida que no proximo post vou juntar todas as perguntas e respostas aqui!! Não percam!
 
CLÍNICA PORTO VELHO
Av. Carlos Gomes, Nº 770 – Caiari
Fone: 3229-3003/3224-2941/98411-1248
Leia mais...
♥ Beleza e Saúde

O Boticário apostou na ousadia e lançou novas cores de batom Intense para arrasar no look

21370845_1642939705777653_451690697581760184_n

A cantora Anitta é a estrela da campanha que resume tudo na assinatura: “Prepara e Arrasa!”

Intense, do Boticário, lançou cinco novas cores de batons que reforçam a proposta de praticidade da marca. A aposta é em tons ousados, capazes de dar um up em looks básicos e mostrar que a praticidade de um “bocão” bem destacado pode ser protagonista soberano de qualquer produção. Os batons já estão nas lojas de todo país, no e-commerce (www.boticario.com.br) e com as revendedoras da marca desde 4 de setembro.    Use e abuse das cores: prepare e arrase!

O destaque do lançamento fica por conta das tonalidades: azul (360 Graus), roxo (200 Mistérios), vermelho (12 Indiretas), marrom (120 Confidências) e vinho (170 Segredos), que chegam para mostrar que a ousadia pode sim fazer parte do dia a dia. Em opções matte e cremoso, os batons têm de longa duração e podem ser usados em qualquer tipo de situação, deixando o visual mais leve e divertido.

 

 

As novas cores estimulam as consumidoras a ressaltarem o que há de melhor nelas, sem medo de ousar, preparadas para arrasar com apenas um passo. “As mulheres buscam cada vez mais praticidade no dia a dia. E esse é exatamente o maior benefício das novas cores de Intense, oferecer possibilidades de estar sempre com uma make incrível, com a praticidade que a agitação do cotidiano exige”, explica Diego Costa, gerente da categoria de Maquiagem.

Poderosa: Anitta é estrela da campanha

E para protagonizar a campanha, ninguém melhor que a estrela pop, Anitta. A personalidade atrevida da musa é a cara das novas cores de batom que vêm para mostrar que a ousadia pode sim fazer parte do dia a dia e que não existe essa de que “cor escura vale só para balada”. No shooting, que teve a beleza assinada pelo beauty artist Henrique Martins, a cantora foi clicada ao som de sua playlist favorita esbanjando ousadia e atitude, uma make com foco total na boca, e roupas com um toque jovial e lacrador, assim como ela.

E para o lançamento de cores ousadas tivemos um show de arrasar. No dia 5 de setembro, às 21h, o Boticário apresentou Anitta como estrela da nova campanha num show exclusivo para mil pessoas, entre convidados e consumidoras que compraram, no mínimo, dois dos novos batons no período de pré-venda limitada a algumas lojas de São Paulo. Quem não conseguiu seus ingressos – que se esgotaram em poucas horas – pode curtir a transmissão ao vivo no Live da Vevo (http://vevo.com/boticarioeanitta). Também houve cobertura em tempo real nas redes sociais do Boticário. Dá pra conferir tudo pelo Facebook, Instagram e Twitter conectando-se com a gente pela #AnittaPreparaIntenseArrasa.

 

Leia mais...
♥ Mãe e Bebê

Clube Melissa apresenta novos modelos Mini + Vivienne Westwood

Vivienne Westwood Anglomania + Mini Melissa Beach Slide Sandal R$130 322675324800_tamanho_HD (Cópia)

Uma das parcerias mais antigas da Melissa se renova nesse verão com dois modelos inéditos para os pequenos. Para MAPPING, a estilista britânica Vivienne Westwood imprime nos calçados toda a sua irreverência e personalidade, unindo seu estilo único ao impecável design e conforto da marca.

A Melissa Beach Slide Sandal, um dos hits das últimas temporadas, ganha uma encantadora versão mini, batizada de VWA + Mini Melissa Beach Slide Sandal. O modelo se destaca pela aplicação de alguns dos ícones das criações da estilista. Em um pé, uma coroa; no outro, um coração, resultando em uma combinação divertida e cheia de estilo, especialmente em contraste com a cartela de cores mais neutra. O fechamento em velcro garante segurança para a brincadeira.

Para as mães e filhas que não abrem mão de produções superdelicadas, aVWA + Mini Melissa Ultragirl XI é a pedida. A flat une o plástico da Melissa à sutileza das aplicações metalizadas no cabedal. Além do orb, ícone das criações de Vivienne, a linha traz a versão com um coração cruzado por uma fita, também de metal. A paleta é protagonizada por diferentes tons de rosa.

Os modelos da parceria já estão disponíveis nos Clubes Melissa de todo Brasil, com valores a partir de R$120,00.

Clubes Melissa no Brasil:

https://www.melissa.com.br/onde-encontrar

Leia mais...
Thaís Lourenzzo

Olho Seco… E agora? 9 super dicas de oftalmologista para tratar esta doença!

WhatsApp Image 2017-08-07 at 17.57.48

O olho seco é uma doença multifatorial e causa uma variedade de sintomas que inclusive altera a  função  visual e qualidade de visão.

Essas alterações da superfície ocular levam a uma variedade de sintomas (ardência, sensação de ressecamento, queimação, olho vermelho, lacrimejamento, secreção, embaçamento visual, entre outros), que podem vir acompanhados, ou não de sinais clínicos identificados na consulta oftalmológica fala a Dra. Hévila Rolim, Oftalmologista em Porto Velho.

As causas

Existem muitos fatores que causam não só o olho seco, mas também disfunções da superfície ocular.  Idade, doenças sistêmicas como artrite, alergias ou algumas doenças de pele, meio ambiente seco, com fumaças ou muito vento, uso de medicações como anti-histaminicos ou antidepressivos, podem contribuir para o surgimento da disfunção lacrimal.

9 super dicas da Dra. Hévila para tratar o olho seco e a doença da superfície ocular 
  1. Visite seu oftalmologista 1x|ano;
  2. Ajuste o ambiente de trabalho e lazer: Evite ficar diretamente exposto à saída do ar condicionado, evite ambientes com muito vento ou fumaça,  proteja os olhos e ajuste a posição da tela do computador;
  3. Faça pausas na leitura ao usar equipamentos eletrônicos para possibilitar que seus olhos descansem e pisque regularmente;
  4. Use um umidificador em casa e no seu local de trabalho (especialmente em locais com baixa umidade do ar)
  5. Evite a exposição a substâncias irritantes como pólen, poluição e fumaça;
  6. Consuma alimentos ricos em ômega 3 e 6, ou acrescente esses suplementos à sua dieta para melhorar a qualidade da lágrima;
  7. Mantenha uma higiene ocular adequada. Uma boa higiene dos cílios e pálpebras contribui bastante para a melhora dos sintomas (dica valiosa para quem usa maquiagem)
  8. Não esfregue os olhos, mesmo que possa sentir-se bem temporariamente, pode causar ou piorar a irritação ocular;
  9. Se você tem o diagnóstico de olho seco, utilize sua lágrima artificial regularmente conforme a orientação do seu oftalmologista (em geral 2 a 4x/dia).  Essa lágrima também chamada de lubrificante ocupa ajuda muito no alívio dos sintomas e na qualidade da visão.

 

 

Todos estes cuidados, devem ser feitos tanto para o bem-estar dos olhos, quanto para preservar a saúde ocular. Não tratar, pode trazer complicações que vão desde inflamação até lesões na córnea, ou seja, problemas que levam a redução da visão.

Dra. Hévila me deu essas quatro amostras de colírios lubrificantes para usar e ver qual o mais confortável para minha superfície ocular, são de laboratórios diferentes e com composições diferentes, mas todos tem a função básica de lubrificar a superfície ocular e aliviar os sintomas do olho seco.
O Lacrifilm é bom, não havia testado antes, senti a sensação de que pinguei um colírio/remédio em meus olhos, senti arder um pouco, bem pouco, mas depois passou, Nota 7;
Systane UL é o mais fácil de encontrar nas farmácias, já usei muito, não senti que lubrificou taaanto quando os outros, em dias mais secos, preciso usar mais vezes, e em dias de muita fumaça, vou preferir usar outro, nota 8;
Lacrilax é o que estou usando no momento, uma gota apenas já resolve, já sinto diferença no mesmo minuto, não preciso ficar pingando nos olhos a cada duas horas, ele aguenta bem, nota 9;
Hyabak para mim é o melhor de todos, não possui conservante, por isso é o mais indicado para mulheres grávidas, posso aplicar quantas vezes achar necessário, mas o efeito dele dura muito, porém ele é o mais caro de todos, vale o quanto pesa, nota 10.
Lembrando que a compra de colírios lubrificantes é livre de prescrição médica, porem só o médico consegue diagnosticar o problema, levando em conta que muitas pessoas tratam o problema de olhos secos no balcão da farmácia.
Portanto, este post serve de alerta para as pessoas procurarem um oftalmologista periodicamente. Este post não substitui uma consulta médica.

 

A Dra. Hévila também é oftalmologista infantil, atende bebês e crianças de todas as idades, depois, vou fazer um post contando sobre cuidados com a visão dos bebês que os pais devem ter.
O consultório da Dr.a Hévila, está localizado a Rua Quintino Bocaiúva, nº 1549, Bairro São Cristóvão.
Para agendar uma consulta, o telefone de lá é 3302-0511, 99218-8245 ou  98129-7511.

Leia mais...
error: Este conteúdo é protegido